Método avançado de imagem beneficia tratamento de pacientes com obstruções coronarianas

18

O serviço de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista do Centro Hospitalar Unimed (CHU) registrou mais um importante avanço no diagnóstico e tratamento das lesões coronárias.

O hospital adquiriu o aparelho conhecido como OFDI (do inglês Optical Frequency Domain Imaging) / Lunawave, da empresa japonesa Terumo e, nos dias 28 e 29 de novembro, o equipamento foi utilizado durante a cirurgia de angioplastia coronariana com implante de stents farmacológicos em cinco pacientes. O procedimento foi realizado pelos médicos do setor de Hemodinâmica e Cardiologia do hospital: Dr Bruno Migueletto, Dr Dimitri Zappi, Dr Edilson Roma e Dr Alberto Cury, além de contar com a participação de especialista japonês, Hisashi Suda.

De acordo com o cardiologista, Dr. Bruno Migueletto, o aparelho é o que existe de mais moderno em métodos de imagem intravascular. “Este equipamento fornece imagem notavelmente clara do interior do vaso coronário com uma definição muito superior ao de qualquer outra modalidade disponível. Ao utilizar esta tecnologia podemos avaliar características importantes da placa aterosclerótica, além de permitir a colocação mais precisa do stent”, afirma.

O equipamento possui um método de imagem invasivo, de altíssima resolução, que possibilita melhores resultados e garante ainda mais segurança ao paciente. Atualmente, há somente quatro aparelhos destes disponíveis no Brasil, sendo o primeiro a ser instalado no Sul do país, o que consolida o CHU como referência em cardiologia.